Fale conosco
            
Fale conosco
            
Edições do Jornal:
            


 
 
Indique para um amigo

Começa a campanha de vacinação contra o sarampo em Jaraguá do Sul



Segunda, 07 de outubro de 2019 17:12

 

Clique para ampliar
 

A chuvosa manhã desta segunda-feira (7), marcou o início da campanha do sarampo em Jaraguá do Sul. Segundo informações da Secretaria Municipal de Saúde, a meta estabelecida pelo Ministério da Saúde para a cidade é vacinar, num primeiro momento, 3674 crianças na faixa etária entre seis meses de cinco anos. Já a segunda fase ocorrerá no período de 18 a 30 de novembro (que também será o dia D) e terá como público-alvo pessoas na faixa etária de 20 a 29 anos de idade;
O movimento na Central de Vacinação da Unidade Básica de Saúde na Rua Reinoldo Rau, Centro, ainda estava baixo na manhã do primeiro dia da campanha, mas a expectativa da coordenação é isto mude ao longo das próximas duas semanas. Melhor para o casal André e Marcineia da Silva Schneider, que aproveitou justamente o baixo movimento para vacinar sua filha, Analu da Silva Schneider, de pouco mais de um ano. “Vacinação não só do sarampo é muito importante para nossos filhos, para garantir a saúde deles”, disse André enquanto distraia a pequena na sala de espera.
Em Jaraguá do Sul, a Secretaria de Saúde disponibilizará as doses em todas as Unidades Básicas de Saúde com Sala de Vacinas durante o expediente de cada uma. Além disso, nas duas primeiras semanas da primeira fase da campanha, a Unidade Central de Imunização (na Rua Reinoldo Rau) adotará horário estendido até as 19 horas para facilitar o acesso à vacina.
Já para os moradores do Santo Estêvão e do Rio Cerro II, a vacinação será concentrada na UBS da Barra. Também haverá uma equipe da Secretaria de Saúde realizando vacinação contra o sarampo e febre amarela durante o evento Viva Mais Jaraguá, agendado para o próximo dia 12, na Arena. É obrigatória a apresentação da carteira de vacina – seja nas unidades de saúde ou na Arena – para sua verificação e atualização.
Conforme argumento do Ministério da Saúde, a vacinação de forma seletiva é uma estratégia diferenciada para interromper a circulação do vírus do sarampo no País, onde foram confirmados 10.330 casos em 2018. Desse total, a maior concentração ocorreu entre junho e agosto, com destaque pra julho, com 3.950 casos, o que equivale a 38,2%. Já este ano, no período de janeiro a setembro, houve a confirmação de 3.729 casos, apresentando o mesmo comportamento epidemiológico com menor número de registros de casos confirmados do que no ano passado.


Encontrou erro? Encontrou algum erro? Informe-nos, clique aqui.

Veja também:








Anuncie Aqui
AS MAIS LIDAS

  Filiados que pretendem concorrer às Eleições 2020 devem estar com o cadastro eleitoral regularizado
 
  Olga Radoll
 
  As dificuldades dos municípios no saneamento
 
  SANTO DO DIA:Santo Inácio de Antioquia
 
   Comunicado: Restrição na BR-280 com sentido a Canoinhas-SC
 

Classificados
Clique aqui e envie seu anúncio gratuitamente.

 
49837515 acesso(s) até o momento.

Inicial   |   Notícias   |   Classificados   |   Colunistas   |   Sobre nós   |   Contato

© Copyright 2019 Jornal Evolução
by SAMUCA